domingo, 21 de setembro de 2014

FALTOU CHÃO NA REGIÃO,COM A CARAVANA DA MUDANÇA

tem tanto bacural eu tou perdido.
A Praça Robson Lopes em Apodi, palco de grandes manifestações políticas na historia do município, viveu mais um capitulo de sua historia na noite deste sábado, 20 quando sediou o comício do candidato a governo do Rio Grande do Norte, Henrique Eduardo Alves.



Pelas ruas do município os tradicionais bacuraus deixaram aflorar toda paixão e tradição, lotando, e dançando a tradicional lambada, embalando os paredões que fizeram o trajeto até o local da concentração.

Além do candidato Henrique Alves, estiveram presentes o candidato a vice-governador João Maia, a candidata a Senadora Wilma de Faria, as candidatas a deputadas federais Sandra Rosado e Fafá Rosado, os candidatos a deputados estaduais Kelps Lima, Júnior Moura, Luis Carlos, Gustavo Fernandes, Larissa Rosado a ex-prefeita Gorete Silveira e o ex-prefeito de Dr. Pinheiro, além de varias lideranças de Apodi e cidades vizinhas.

VEJA MAIS IMAGENS AQUI
          JÁ EM CARAÚBAS FALTOU CHÃO




A cidade de Caraúbas recebeu na noite deste sábado (20) a "Caravana da Mudança" liderada pelos candidatos ao governo, Henrique Alves (PMDB), e senado, Wilma de Faria (PSB). Assim como a candidata a deputada federal, Fafá Rosado.


A concentração foi na Praça Elisabeth, no Bairro Leandro Bezerra, onde saíram em uma grande carreata percorrendo as principais ruas até chegar na Praça Reinaldo Pimenta, no centro da cidade, onde aconteceu um grande comício. Foi uma grande carreata que mobilizou todo o município. A população bacurau foi junto com o prefeito Ademar Ferreira (PMDB) e o articulador político e Presidente do Diretório Municipal do PMDB, o empresário Ferreira Júnior.
Henrique Alves elogiou a mobilização realizada pelos bacuraus caraubense. Durante o comício, a praça estava lotada. “A população de Caraúbas fez hoje uma manifestação linda de apoio ao nosso nome, estou em ver uma movimentação tão bonita como essa", disse. Para o candidato, assumir o Governo do Estado será um grande desafio. “Esse será o maior desafio da minha vida pública, assumir o Estado em um momento de crise, onde os serviços básicos não funcionam e a população precisa de respostas”, falou. 




Para Henrique, o governo não está resolvendo porque não tem condições. 

VEJA MAIS IMAGENS AQUI