quinta-feira, 25 de junho de 2015

Jovem diz que matou mulher e filha em ritual para fugir com amante

O jovem que matou a mulher e a filha, de apenas três anos, asfixiadas em Poços de Caldas, no sul de Minas, mudou a versão do crime em depoimento à Polícia Civil. Marcos Francisco Pedrilho, de 22 anos, afirmou que assassinou as duas dentro de casa a pedido de um pai de santo, com quem tinha um caso O jovem que matou a mulher e a filha, de apenas três anos, , no sul de Minas, mudou a versão do crime em depoimento à Polícia Civil. Marcos Francisco Pedrilho, de 22 anos, afirmou queCorpos foram encontrados abraçados, cobertos por um lençol e com panos na boca assassinou as duas dentro de casa a pedido de um pai de santo, com quem tinha um caso